Trilha do dia: Black Orpheus

Baseado na peça teatral "Orfeu da Conceição", de Vinicius de Moraes, o filme Orfeu Negro tem sua trilha musicada por Tom Jobim. Escute agora e aprecie essa faixa antológica com a Elizete Cardoso, Manhã de Carnaval.

Premiado com a Palma de Ouro do Festival de Cinema de Cannes, com o Globo de Ouro e com o Oscar de melhor filme estrangeiro, em 1959, a obra de Marcel Camus tem seu enredo baseado na mitológica história de Orfeu e Eurídice adaptada para a favela carioca.


Sinopse do filme

Eurídice decide ir para o Rio de Janeiro fugida de um homem que deseja matá-la. Ao chegar à casa de sua prima, conhece Orfeu e se apaixonam perdidamente. Orfeu estava noivo de Mira, no entanto o casal consegue driblar essa situação em pleno carnaval.


A trilha

A trilha sonora da peça foi lançada em vinil em 1956, pela Odeon, e marca a lendária parceria musical entre Antônio Carlos Jobim e Vinícius de Moraes.

As músicas foram orquestradas e regidas por Tom, que comandou a Grande Orquestra Odeon, composta por 35 elementos. O disco também conta com a participação de Luís Bonfá no violão e de Roberto Paixa, que interpreta "Um nome de mulher", "Se todos fossem iguais a você", Mulher, sempre mulher", "Eu e o meu amor", "Lamento no morro". Vinicius declama e teatraliza (com uma flauta pastoral ao fundo) o "Monólogo de Orfeu".


Clique aqui para ouvir essa obra prima da música brasileira.